Brasileiros estão cada vez mais contratando seguros

Brasileiros estão cada vez mais contratando seguros, e não é de hoje que isso é uma novidade. As contratações de seguros com coberturas para riscos pessoais, somaram R$19,94 bilhões no primeiro semestre deste ano, segundo dados da Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (FenaPrevi). O valor supera os R$18,37 milhões registrados de janeiro a junho de 2017.

Os índices apresentados pela federação, também mostram que os seguros coletivos, oferecidos como benefícios aos colaboradores, correspondem por 77% dos contratos. Já os seguros individuais contratados por pessoa física, representam 23%.

Ao analisar os seguros por modalidade, o seguro de vida tem a maior carteira do mercado, e esteve entre as coberturas mais contratadas neste ano. Ao comparado com o primeiro semestre no ano passado, o volume de contratações cresceu 9%, totalizando R$7,20 bilhões.

 

Leia também: Mercado de seguro de vida cresce no Brasil


Outros tipos de seguro disponíveis no mercado também apresentaram alta expressiva no período analisado pela FenaPrevi. Destacamos o Seguro Prestamista, que é aquele seguro que cobre pagamento de prestações do titular da apólice em caso de morte, invalidez ou perda involuntária do emprego. Esse tipo de seguro obteve o crescimento de 23,7% no número de contratações, contabilizando R$5,49 bilhões.

Além disso, o Seguro Auxílio Funeral também esteve entre os seguros mais procurados pelos brasileiros, no período analisado. Os gastos com esse tipo de cobertura chegaram a R$304,61 milhões, superando o dispêndio do mesmo período de 2017. Já o gasto com coberturas para custear doenças graves, somaram 12%.

Nos dias de hoje, para evitar qualquer tipo de contratempo, é de suma importância, além de procurar um seguro que se adeque ao seu perfil, é procurar um profissional capacitado que saiba oferecer o melhor produto alinhado à sua necessidade.

 

Veja também: Seguro de vida x Acidentes pessoais: entenda a diferença

DATA
15-10-18
CATEGORIAS

COMPARTILHE