SulAmérica registra crescimento no segmento de saúde e odonto

A SulAmérica divulgou os seus resultados trimestrais e, de acordo com o levantamento, as receitas operacionais registraram crescimento de 14,8% no segmento de saúde e odontológico.

A seguradora registrou lucro líquido de R$ 135,4 milhões no segundo trimestre, o que representa uma alta de 68% em relação ao mesmo período do ano passado. Além disso, as receitas totais da SulAmérica cresceram 16,7% em comparação com o ano anterior, chegando a R$ 5,1 bilhões.

Ainda de acordo com o levantamento, as carteiras de planos de saúde coletivos apresentaram um bom desempenho, mantendo um crescimento gradual. Os destaque são o crescimento nas modalidades PME, odontológico e empresarial/adesão, que registraram aumento de 25,5%, 15,6% e 11,8%, respectivamente. Além disso, a seguradora registrou uma redução de 3,4 pontos percentuais no índice de sinistralidade, para 77,4%.

O presidente da SulAméica, Gabriel Portella, atribuiu os bons resultados à recuperação no mercado de seguros e a atuação da companhia no incentivo a vendas novas, expansão regional e altos índices de retenção de clientes, somada à força da marca SulAmérica.

“Seguimos consistentes em relação à operação, com estratégia direcionada à disciplina de subscrição de riscos, gestão de capital e controle de custos e despesas. Tudo isso sem perder o foco nos nossos mais de sete milhões de segurados, que acompanham nossos esforços constantes voltados ao lançamento de produtos e serviços inovadores”, acrescenta.

Entre os produtos, Portella destaca a plataforma Sharecare, o reembolso digital e o Médico em Casa, disponíveis no aplicativo de saúde, que têm contribuído para ampliar a experiência do segurado e atrair novos beneficiários.

Os bons resultados da SulAmérica não ficam somente em seu faturamento. Também no segundo trimestre de 2018, a carteira de planos coletivos de saúde e odonto apresentou crescimento de 8,6% na base de clientes em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, totalizando 3,1 milhões de segurados.

Segundo dados da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) referentes a maio de 2018, em todo o sistema são 47,3 milhões de segurados em saúde e 23 milhões em odontológico, altas de 0,1% e 5,3%, respectivamente, em relação ao mesmo período de 2017. O aumento no número de beneficiários nos planos de saúde acompanha um cenário de emprego mais favorável no País.

 

DATA
06-08-18
CATEGORIAS

COMPARTILHE