08
jul

Dia Mundial da Alergia

Hoje é o Dia Mundial da Alergia e, nesta data, cabe lembrar da importância da conscientização sobre o assunto. Embora “alergia” seja um termo bastante difundido, nem todos sabem exatamente do que se trata e dos riscos a ela associados.

A alergia – ou reação de hipersensibilidade – é uma resposta exacerbada do sistema imunológico após a exposição a determinados agentes. Dentre eles, estão: ácaros, fungos, insetos, pelos de animais, pólen, determinados alimentos ou medicamentos, entre outros. É importante notar, entretanto, que o que determina se uma pessoa irá ou não apresentar hipersensibilidade quando em contato com os agentes é, principalmente, a genética. Ou seja, um mesmo alimento pode ser inofensivo para um indivíduo, mas, para outro causar inchaço e falta de ar, podendo até mesmo levar à morte em casos agudos.

A melhor forma de identificar um quadro alérgico é, em primeiro lugar, atentar-se aos sintomas. A depender da gravidade, eles podem ser:

  • Coceira no corpo
  • Erupções cutâneas
  • Congestão nasal
  • Dificuldade para respirar
  • Dificuldade para engolir saliva
  • Urticária
  • Dor abdominal
  • Cãibra
  • Vômito
  • Diarreia
  • Confusão mental
  • Tontura

Em caso de suspeita, deve-se procurar atendimento médico especializado imediatamente. Para auxiliar no diagnóstico, o profissional pode solicitar a realização de exames. É imprescindível não se automedicar.

 

Referências

https://www.webmd.com/allergies/allergy-symptoms

https://www.minhavida.com.br/saude/temas/alergia