Plano de saúde coletivo: como contratar e pagar mais barato?

Com o objetivo de reduzir os custos com saúde, muitas pessoas têm migrado para os planos de saúde coletivos, que oferecem uma boa redução na mensalidade.

Eles estão tomando conta do mercado, desbancandoos planos de saúde individuais. Para se ter uma ideia, o número deusuários ativos em plano de saúde coletivo aumentou significativamente nosúltimos anos: dos 47,8 milhões de planos ativos no Brasil, mais de 38 milhõessão coletivos.

A seguir, descubra como é possível economizar ao contratar um plano de saúde coletivo!

Plano de saúde individual / Familiar X Plano de Saúde Coletivo

Ao contratar um plano de saúde é muito comum surgirem dúvidas que referem-se às características do contrato e que impactam no valor do serviço.

As categorias dos planos são divididas da seguinte forma:

  • Tipo de contratação: planos individuais/familiares ou coletivos;
  • Abrangência: local, regional, nacional e internacional;
  • Coberturas: procedimentos além do Rol da ANS;
  • Tipo de acomodação: apartamento ou enfermaria.

O que mais impacta o valor do serviço é o tipo de contrato. Nos planos individuais ou familiares, a pessoa física faz o contrato direto com a operadora do plano de saúde. Já nos planos coletivos, a adesão é feita por meio de um vínculo empregatício ou associação a uma entidade de classe.

Os planos coletivos costumam ter um valor menor em relação aos planos individuais. Isso porque, o contrato irá abranger um número maior de pessoas, ou seja, a operadora do plano de saúde terá maior flexibilidade para negociar valores e reajustes mais baixos. A diferença de preços pode chegar a mais de 50%.

Dessa forma, sempre que a sua empresa ou sindicato colocar à disposição um plano de saúde, vale a pena considerar essa possibilidade, já que os custos costumam ser bem menores. Para ter uma noção da economia, basta comparar a cotação de um plano de saúde empresarial e individual com as mesmas características e fazer as contas.

A dinâmica do plano de saúde coletivo funciona da mesma forma que o individual ou o familiar no que se refere ao acesso às coberturas do plano. No entanto, existem algumas diferenças contratuais.

Para descobrir mais facilmente qual tipo de plano é mais vantajoso para você, veja a tabela a seguir:

Planos individuais/familiares
Tabela comparativa: Planos individuais/familiares
Planos coletivos
Tabela comparativa: Planos coletivos

3 formas de adquirir um plano de saúde coletivo

Não há dúvidas de que contratar um plano de saúde coletivo é muito mais vantajoso, em vários aspectos, principalmente em questões de economia. No entanto, existem algumas condições para ser elegível a esse tipo de plano:

  • Plano Coletivo Empresarial: são contratados por intermédio de uma empresa, que repassa o benefício ao funcionário. Caso tenha interesse nesse tipo de contratação, vale a pena conversar com o RH da sua empresa e verificar a possibilidade.
  • Plano Coletivo porAdesão: são aqueles que são contratados por pessoas jurídicas de caráter profissional – como sindicatos, associações ou conselhos, por exemplo.Nesse caso, você deve ter um vínculo associativo correspondente à sua profissão. Busque mais  informações no sindicato da sua classe profissional.
  • Plano de saúde paraMEI: é o plano adquirido por empresário individual. Nesse caso, para ter direito à contratação do plano, o empresário individual deverá apresentar documento que confirme a sua inscrição nos órgãos competentes, bem como a sua regularidade cadastral junto à Receita Federal

O que achou do artigo? Quer receber uma consultoria gratuita para sua empresa e reduzir custos?

Nossos consultores avaliam a situação atual e identificam a melhor oportunidade para a realidade da sua companhia. Conte com quem é especialista no assunto! Entre em contato com nossa equipe comercial.

DATA
10-12-18
CATEGORIAS

COMPARTILHE